Estudante mata um e fere três em tiroteio em universidade alemã


Um atirador solitário abriu fogo durante uma palestra lotada na Universidade de Heidelberg, no sudoeste da Alemanha, e feriu quatro pessoas – uma delas fatalmente – antes de se matar, disse a polícia.

O atirador suspeito de 18 anos era um estudante de biologia na universidade, disse Siegfried Kollmar, chefe de polícia regional.

O suspeito, um cidadão alemão sem antecedentes policiais conhecidos, enviou uma mensagem telefônica para seu pai pouco antes do tiroteio, mencionando que “as pessoas serão punidas”, disse Kollmar a repórteres.

O motivo preciso do ataque ainda está sendo investigado, mas sabe-se que o suspeito sofria de uma doença psicológica no passado, acrescentou.


Policiais no Jardim Botânico da Universidade de Heidelberg (Michael Probst/AP)

Seu corpo foi encontrado do lado de fora por policiais junto com duas armas de fogo que ele havia adquirido recentemente no exterior e cerca de 100 cartuchos de munição, disse Kollmar.

A polícia identificou a mulher que foi morta como uma alemã de 23 anos. Aqueles que sofreram ferimentos leves foram duas mulheres alemãs e um homem ítalo-alemão.

O tiroteio provocou uma resposta maciça da polícia, com mais de 400 policiais enviados ao local.

O chanceler alemão Olaf Scholz expressou consternação com o tiroteio e ofereceu suas condolências a parentes, vítimas e estudantes.

“Foi relatado que um estudante morreu de seus ferimentos”, disse ele. “Despedaça meu coração saber de tais notícias.”

Heidelberg está localizada ao sul de Frankfurt e tem cerca de 160.000 habitantes. Sua universidade é uma das mais conhecidas da Alemanha.



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.