Guia sherpa quebra seu próprio recorde escalando o Everest pela 26ª vez


Um experiente guia xerpa nepalês escalou o Monte Everest pela 26ª vez, quebrando seu próprio recorde de mais escaladas no pico mais alto do mundo, disseram os organizadores da expedição.

Kami Rita chegou ao cume de 8.849 metros (29.032 pés) na noite de sábado, liderando um grupo de alpinistas sherpas que fixaram cordas ao longo da rota para que centenas de outros alpinistas e guias pudessem chegar ao topo da montanha no final deste mês.

Rita e outros 10 guias sherpas chegaram ao cume sem problemas e retornaram com segurança aos acampamentos inferiores, disse Mingma Sherpa, da Seven Summit Treks, com sede em Katmandu.

O grupo chegou ao cume por volta das 19h, horário local, no sábado, o que pelos padrões de escalada do Everest está atrasado.

À noite, existe o risco de as condições meteorológicas se deteriorarem e os alpinistas se perderem na descida.

Sherpa disse que os guias eram todos alpinistas altamente experientes.

Existem centenas de alpinistas estrangeiros e um número igual de guias sherpas que tentarão escalar o Everest este mês.

Maio é o melhor mês para escalar o Everest, pois tem as melhores condições climáticas.

Geralmente, há apenas algumas janelas para o bom tempo na parte mais alta da montanha em maio, que permitem que os alpinistas cheguem ao cume.

Rita, de 52 anos, escalou o Everest pela primeira vez em 1994 e tem feito a viagem quase todos os anos desde então.

Ele é um dos muitos guias sherpas cujos conhecimentos e habilidades são vitais para a segurança e o sucesso dos alpinistas estrangeiros que se dirigem ao Nepal todos os anos em busca de ficar no topo da montanha.

Seu pai foi um dos primeiros guias sherpas, e o sr. Rita seguiu seus passos e mais alguns.

Além de suas 26 vezes ao topo do Everest, Rita escalou vários outros picos que estão entre os mais altos do mundo, incluindo K2, Cho-Oyu, Manaslu e Lhotse.



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *