Talibã açoita 12 pessoas em estádio de futebol no Afeganistão por ‘crimes morais’: relatório | Noticias do mundo


Pelo menos 12 pessoas foram açoitadas pelo Talibã no Afeganistão esta semana em um estádio de futebol por cometerem “crimes morais”, foi relatado. Os civis incluíam três mulheres que foram açoitadas na frente de centenas de espectadores dentro do estádio em Logar, no Afeganistão, informou o Independent.

Eles foram considerados culpados por adultério, roubo e sexo homossexual, que foi considerado punível pela lei Sharia. As três mulheres foram libertadas e autorizadas a voltar para casa depois de receberem a punição, disse à BBC o porta-voz do Talibã, Omar Mansoor Mujahid.

Consulte Mais informação: Conselheiros iranianos que ajudavam russos na Crimeia são mortos, diz Ucrânia, com advertência

O Talibã açoitou homens e mulheres com cerca de 21 a 39 golpes cada. Uma foto não verificada do estádio onde ocorreu o açoitamento foi compartilhada pelo jornalista Habib Khan. Mostrava uma grande multidão de centenas de pessoas, algumas até mesmo de pé nas paredes divisórias.

“Essa multidão se reuniu em um estádio na província de Logar, no Afeganistão, não para um jogo, mas para assistir à execução pública do Talibã. Estádios que antes abrigavam eventos esportivos agora são usados ​​para enforcamento, tiro, apedrejamento, amputação e açoitamento pelo Talibã”, twittou Habib Khan.

Este é o segundo caso de punição do Talibã neste mês. Mais cedo, a Suprema Corte do Afeganistão disse que 19 pessoas no nordeste do Afeganistão foram açoitadas por adultério, roubo e fuga de casa.

  • SOBRE O AUTOR

    Quando não está lendo, esse ex-aluno de literatura pode ser encontrado em busca de uma resposta para a pergunta: “Qual é o objetivo do jornalismo na sociedade?”



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *