Proposta para resgatar mineiros presos na Rússia como 11 mortos e dezenas de feridos no incêndio


Um incêndio em uma mina de carvão na Sibéria russa matou 11 pessoas e feriu mais de 40, com dezenas de outras ainda presas, disseram as autoridades.

O incêndio ocorreu na região de Kemerovo, no sudoeste da Sibéria.

A agência de notícias estatal russa Tass relatou, citando um oficial de emergência não identificado, que o pó de carvão pegou fogo e a fumaça rapidamente encheu a mina através do sistema de ventilação.

Um total de 285 pessoas estava na mina no momento do incidente. O governador de Kemerovo, Sergei Tsivilyov, disse que 239 deles foram evacuados e 46 outros ainda estão presos no subsolo.


O presidente russo, Vladimir Putin, estendeu suas condolências às famílias dos mineiros mortos (Mikhail Metzel, Sputnik, Kremlin Pool Photo via AP)

“Quarenta e três pessoas foram hospitalizadas com ferimentos, quatro delas em estado grave”, disse ele.

Os esforços para resgatar o restante ainda estão em andamento, prejudicados por grandes quantidades de fumaça.

Uma investigação criminal sobre o incêndio foi lançada.

O presidente Vladimir Putin estendeu suas condolências às famílias dos mineiros mortos e ordenou ao governo que oferecesse toda a assistência necessária aos feridos.



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *