Partido Trabalhista do Reino Unido tem 33 pontos de vantagem sobre conservadores na última pesquisa


O Partido Trabalhista de oposição da Grã-Bretanha subiu para uma vantagem de 33 pontos sobre os conservadores no poder, de acordo com uma pesquisa YouGov na quinta-feira, após dias de caos nos mercados financeiros desencadeados pelos cortes de impostos planejados pelo governo.

A liderança foi uma participação recorde para os trabalhistas em qualquer pesquisa do YouGov, bem como o número mais alto que o partido já registrou em qualquer pesquisa publicada desde o final dos anos 1990, disse o YouGov.

Mais cedo nesta quinta-feira, a primeira-ministra britânica Liz Truss defendeu seu controverso plano para reacender o crescimento econômico depois que grandes cortes de impostos divulgados na semana passada afetaram o valor da libra e os preços dos títulos do governo.

A pesquisa YouGov de intenção de voto realizada na quarta e na quinta-feira mostrou 54% de apoio aos trabalhistas e 21% aos conservadores. Foi uma pesquisa com mais de 1.712 adultos britânicos.

Outra pesquisa do YouGov no início desta semana mostrou 45% dos eleitores apoiando os trabalhistas, em comparação com 28% dos conservadores.

Três outras pesquisas na quinta-feira também mostraram grandes vantagens para os trabalhistas – Survation colocou a vantagem dos trabalhistas sobre os conservadores em 21 pontos; A Deltapoll mostrou os trabalhistas 19 pontos à frente; e Redfield & Wilton Strategies tinham Trabalhistas 17 pontos à frente.

Truss assumiu o cargo em 6 de setembro depois de vencer a disputa de liderança do Partido Conservador após a renúncia de Boris Johnson como primeiro-ministro. A próxima eleição nacional provavelmente será realizada em 2024.

O líder da oposição Keir Starmer disse durante a conferência anual de seu partido nesta semana que era a melhor chance do Partido Trabalhista de conquistar o poder desde 2010, após quatro derrotas consecutivas nas eleições. – Reuters



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.