Governo alemão proíbe grupo muçulmano devido a supostas doações terroristas


O governo alemão proibiu uma organização muçulmana acusada de apoiar o terrorismo em todo o mundo com suas doações.

A polícia invadiu edifícios associados à Ansaar International em 10 estados alemães, disse o Ministério do Interior alemão.

O ministério alegou que o dinheiro que a organização arrecadou aparentemente foi para projetos de bem-estar como um estratagema para ajudar a financiar grupos como a filial síria da Al Qaeda conhecida como Frente Nusra, o grupo palestino Hamas e al-Shabab na Somália.


O governo alemão proibiu a organização muçulmana (dpa / AP)

“A organização Ansaar International e suas suborganizações foram banidas. A rede financia o terrorismo globalmente com suas doações ”, tuitou um porta-voz do Ministério do Interior.

Mais de 1.000 policiais invadiram edifícios e escritórios em toda a Alemanha e confiscaram cerca de 150.000 euros (£ 130.000).

“Quando se quer combater o terrorismo, é preciso secar suas fontes de dinheiro”, disse o ministro do interior alemão, Horst Seehofer.

Ele alegou que a Ansaar International “espalha uma visão salafista do mundo e está financiando o terrorismo ao redor do globo sob o disfarce de ajuda humanitária”.



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.