DoT aprova pedidos de telcos para testes 5G

DoT aprova aplicações de telecomunicações para testes 5G

NOVA DELI: O Departamento de Telecom na terça-feira aprovou os pedidos de empresas de telecomunicações – Reliance Jio, Bharti Airtel, Vodafone e MTNL – para a realização de Ensaios 5G mas nenhum deles usará tecnologias de entidades chinesas.

A lista de fabricantes de equipamentos de telecomunicações aprovados para testes inclui Ericsson, Nokia, Samsung, C-DOT e tecnologias desenvolvidas de forma autóctone da Reliance Jio. Isso significa que os fabricantes de engrenagens chineses não farão parte do 5G ensaios.

“O Departamento de Telecomunicações (Ponto) aprovou hoje permissões para provedores de serviços de telecomunicações (TSPs) para a realização de testes de uso e aplicações da tecnologia 5G. Os TSPs requerentes incluem Bharti Airtel Ltd, Reliance JioInfocomm Ltd, Vodafone Idea Ltd e MTNL “, disse o DoT em um comunicado.

Inicialmente, a Bharti Airtel e a Vodafone Idea apresentaram propostas para a realização de testes com tecnologia da China Huawei. Posteriormente, eles enviaram pedidos em que as trilhas serão feitas sem tecnologias de fornecedores chineses.

“Esses TSPs se uniram a fabricantes de equipamentos originais e fornecedores de tecnologia que são Ericsson, Nokia, Samsung e C-DOT. Além disso, a Reliance JioInfocomm Ltd também conduzirá testes usando sua própria tecnologia local”, disse DoT.

A última medida também indica que o governo pode proibir as empresas chinesas de participarem da implantação dos serviços 5G no país.

As empresas de telecomunicações receberam permissão para usar o espectro experimental em várias bandas, incluindo a banda média (3,2 GHz a 3,67 GHz), a banda de onda milimétrica (24,25 GHz a 28,5 GHz) e na banda subgigahertz (700 GHz).

As operadoras de telecomunicações também terão permissão para usar seu espectro existente (800 MHz, 900 MHz, 1800 MHz e 2500 MHz) para a realização dos testes 5G.

“A duração dos testes, no momento, é de 6 meses. Isso inclui um período de 2 meses para a aquisição e instalação do equipamento”, disse o DoT.

As cartas de permissão especificam que cada TSP terá que realizar testes em ambientes rurais e semi-urbanos, além de ambientes urbanos, para que o benefício da tecnologia 5G prolifere em todo o país e não se limite apenas às áreas urbanas, disse o comunicado.

FacebookTwitterLinkedin



Source link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *