Cientista que trabalhou no laboratório de Wuhan, na China, diz que a Covid foi criada pelo homem: relatório | Noticias do mundo


Um cientista baseado nos EUA que trabalhou em um laboratório de pesquisa em Wuhan, na China, a cidade onde o vírus surgiu pela primeira vez, disse que o Covid era um “vírus feito pelo homem” que vazou da instalação. O Covid vazou do Instituto de Virologia de Wuhan (WIV), uma instalação de pesquisa estatal e financiada, há dois anos, informou o New York Post, citando a declaração do pesquisador norte-americano Andrew Huff no jornal britânico The Sun.

Em seu último livro, “A verdade sobre Wuhan”, o epidemiologista Andrew Huff afirmou que a pandemia foi causada pelo financiamento do governo dos EUA para coronavírus na China.

De acordo com a reportagem do New York Post, Andrew Huff é o ex-vice-presidente da EcoHealth Alliance, uma organização sem fins lucrativos com sede em Nova York que estuda doenças infecciosas.

Consulte Mais informação: Vídeo: Estudantes protestam na universidade chinesa de Wuhan contra as regras da Covid

Andrew Huff afirmou que os experimentos de ganho de função da China foram conduzidos com segurança inadequada, resultando em um vazamento no laboratório de Wuhan, de acordo com o New York Post.

“Os laboratórios estrangeiros não tinham as medidas de controle adequadas para garantir a biossegurança, a biossegurança e o gerenciamento de riscos adequados, resultando no vazamento do laboratório no Instituto de Virologia de Wuhan”, disse Andrew Huff em seu livro.

“A China sabia desde o primeiro dia que se tratava de um agente geneticamente modificado”, escreveu Andrew Huff, acrescentando que “o governo dos Estados Unidos é o culpado pela transferência de biotecnologia perigosa para os chineses”. The Sun, de acordo com o New York Post.

“Estávamos apenas entregando a eles tecnologia de armas biológicas”, disse ele.

  • SOBRE O AUTOR

    Quando não está lendo, esse ex-aluno de literatura pode ser encontrado em busca de uma resposta para a pergunta: “Qual é o objetivo do jornalismo na sociedade?”



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *